Pêssegos com vinho rosê e crème fraîche baunilhado


Esta receita  foi a minha escolha preferida, do livro da Caroline Brewester, que a descreve da seguinte maneira :

"Além de  leve e de saber a verão, esta é uma sobremesa linda, com uma fabulosa calda de vinho rosé que tinge os pêssegos e as taças de cor-de-rosa "








3 cháv. de vinho rosé
1 1/3 cháv.de chá de açúcar
1 vagem de baunilha cortada longitudinalmente
4 pêssegos cortados ao meio e descaroçados
6 colheres de sopa de crème fraiche
1 colher de sopa de açúcar em pó








Aqueça em lume médio o vinho, o açúcar e metade da vagem de baunilha,numa caçarola grande. Deixe o açúcar derreter, mexendo sempre por 2 a 3 minutos. Reduza o lume, adicione os pêssegos com a casca virada para baixo e deixe-os cozer por 15 minutos, virando a fruta a meio do tempo, até amolecer.Tome cuidado para não deixar ferver o liquido.
Entretanto, misture numa tigela o créme fraiche com o açúcar em pó. Com uma faca afiada, raspe as sementes da outra metade da vagem de baunilha para dentro da tigela e misture.
Com uma escumadeira, retire os pêssegos da caçarola e deixe-os de parte a arrefecer um pouco. Descarte o pedaço da vagem de baunilha e metade do sumo dos pêssegos, e leve o restante liquido de volta ao lume.
Deixe cozer por 4-5 minutos, até adquirir uma consistência xaroposa.
Entretanto descasque com cuidado os pêssegos e distribua-os por 4 taças. Deite por cima a calda de vinho rosé e acompanhe com o creme fraiche.







PS- Usei creme fraiche Président e como não tinha vagem de baunilha pus 1 colher de chá de essência de baunilha e no xarope pus 2 colheres de chá de essência de baunilha. Quem quiser pode fazer o seu próprio creme fraiche em casa. 

Mensagens mais procuradas